A expectativa de vida do brasileiro está crescendo cada vez mais

De acordo com dados do IBGE, a população está vivendo, em média, 75,5 anos. Para você ter uma ideia, em 1940 a esperança de vida dos brasileiros ao nascer era de apenas 45,5 anos.

Apesar de ser uma excelente notícia para a nossa e as futuras gerações, o aumento da expectativa de vida traz alguns desafios e preocupações.

Uma população mais madura exige adaptações, novos planejamentos governamentais e, claro, mais consciência e investimento em saúde e qualidade de vida.

Expectativa de vida vs. envelhecimento

Pense que, em poucos anos, a grande maioria da população será composta por pessoas da terceira idade. Isso significa que não apenas a economia e a cidade como um todo terão que se adaptar, como também os profissionais, produtos e serviços.

Já é possível notar inclusive nos dias que hoje que a preocupação com um envelhecimento saudável é constante entre os jovens. Afinal, já é comum que pessoas acima de 30 comecem a procurar por tratamentos antienvelhecimento e, até mesmo, a se consultar com geriatras.

Esses novos hábitos não são apenas reflexo do aumento da expectativa de vida. O brasileiro sempre foi um povo extremamente vaidoso, por isso, as rugas e a flacidez nunca tiveram muita chance entre nós.

Muito além da vaidade

Apesar de a vaidade ser um fator de peso, o envelhecimento saudável é o que mais preocupa o brasileiro e os órgãos responsáveis.

Infelizmente, o chegar da idade carrega consigo uma série de debilitações do corpo. Some esse fator natural à falta de prevenção e você terá uma população extremamente doente e infeliz.

E é exatamente por isso que os profissionais de saúde são tão importantes nesse cenário que está se consolidando no Brasil e em todo o mundo.

Envelhecer de maneira saudável e se prevenir contra doenças é possível e altamente benéfico para todos. As pessoas se tornam mais dispostas, se sentem melhores consigo mesmas e se mantém ativas por mais tempo.

Profissão do futuro?

Mas há um outro lado para o qual devemos olhar nessa história. Com os brasileiros vivendo cada vez mais e com a concentração na faixa da população que está passando por esse processo junto, não será muito difícil que o Brasil se torne um país de idosos.

Basta pensar que as mulheres estão tendo cada vez menos filhos e você começará a perceber que, em um futuro não muito distante, as pessoas mais maduras serão grande parte da população.

Esse cenário demanda médicos especializados no processo de envelhecimento e na prevenção de doenças. A capacitação em áreas relacionadas ao chegar da idade permitirá com que as pessoas aproveitem o passar dos anos com mais saúde e em melhores condições.

Em contrapartida, os profissionais da área da saúde que começarem a olhar para o tema com interesse desde agora, estarão mais aptos a oferecer tratamentos de qualidade para os seus pacientes.

Ficou interessado e quer conhecer um pouco melhor sobre a área do envelhecimento saudável? Então, não deixe de acompanhar os nossos próximos artigos!

Envelhecimento Saudável