O ano de 2016 representou grandes avanços na saúde, seja em softwares, medicamentos ou vacinas, por isso, destacamos algumas das inovações para que você fique por dentro de tudo o que aconteceu

  • A vacina da dengue finalmente virou realidade, combatendo este problema de saúde pública que chega a afetar 400 milhões de pessoas em todo o mundo. A Organização Mundial da Saúde passou a recomendar a vacina como prevenção da dengue para proteger contra os 4 sorotipos do vírus e tem a durabilidade de 20 anos. O controle da dengue representa uma redução de custos de 9 bilhões de dólares anuais.
  • O stent cardíaco absorvível permite tratar a oclusão arterial da mesma forma que o stent comum, feito de metal, porém, após certo tempo, ele dissolve-se completamente. Em sua composição está o polímero de poliactida, dispositivo que tem apresentado eficácia em relação ao concorrente de metal em testes clínicos.
  • Um medidor de glicemia sérica promete acabar com as diversas picadas necessárias para monitoramento do diabetes. Através de um pequeno filamento inserido abaixo da pele, o usuário pode identificar pelo smartphone o nível de glicemia.
  • O Second Skin ou XPL é aplicado na pele diretamente como uma vestimenta e mimetiza as propriedades da pele, como elasticidade. Ele é um polímero elástico que esconde  e previne queimaduras solares, rugas e descoloração da pele.
  • O Withings Thermo é um termômetro que realiza mais de 4000 leituras de temperatura corporal em 2 segundos, utilizando 16 sensores de infravermelho, sem tocar na pele do paciente. Os termômetros caseiros levam 3 minutos para realizar uma correta leitura da temperatura do corpo.

O que será que o próximo ano nos reserva de avanços na área da medicina? Continue acompanhando nosso blog para descobrir!